Eu namoro a minha filha

11:35

Eu namoro a minha filha.
E vocês desse lado estão a pensar, "que maluca", mas não, não sou a única a fazer isso.
Todos os dias , de manhã a noite, namoro-a. Quando acorda esfrego-a de beijos, faço-lhe cocegas e falamos sempre no que ela vai fazer durante o dia , o que vamos fazer á tarde e que filme vamos ver.
Quando chega da escola, esfrego-a de beijos de novo, peço para contar como correu o dia, o que almoçou, o que fez de novo e o que ela quer lanchar.
Quando chegamos a casa , estamos na galhofa , a ver um filme ou a ver livros, ou a fazer puzzles, mas também muitas vezes adormece e aí a historia é outra.
Sabem aquele género de amor que não há adjectivos possíveis para poderem definir?
Yup, não o sei definir. Apesar de a Mariana não ter sido planeada , talvez na hora adequada como todos dizem, ela foi muito desejada e muito amada.
Todos nós temos diferentes maneiras de amar e de mostrar que amamos, eu pareço ser uma durona, muito mal encarada, mas no fundo sou um pote de manteiga derretida!
Demonstro a Mariana o amor que sinto por ela de varias maneiras, daí dizer que namoro-a, eu simplesmente a contemplo, a dormir, a brincar, a ler, a ver tv, a dançar, em tudo, eu fico completamente apaixonada por ela!
O papá cá de casa tem ciumes, e não consegue reagir ao amor da mesma maneira que eu, somos muito diferentes, completos opostos, mas é por isso que nos damos tão bem e também nos chocamos muito.
Ele não consegue ser meigo com a Mariana da mesma forma que eu, dá uma abraço de 1 segundo e pronto, apesar de saber que a ama de todo o coração, é difícil para ele demonstrar as suas emoções, já eu não consigo evitar.
Dizemos amo-te uma a outra , estamos sempre na macacada, e damos sempre muitos beijinhos e gostamos de dormir muito agarradinhas uma a outra.
É amor! Desmedido, puro, sincero, verdadeiro e profundo.
Amor de mãe e filha que não tem preço nem fim!





You Might Also Like

0 comentários